Header Ads

Estado falhou proteção a Valentina. Saiba a razão

Aos 9 anos, Valentina foi assassinada num cenário macabro que está a chocar os portugueses. Porém, a menina já tinha dado sinais que não era bem tratada quando tinha fugido da casa do pai em abril do passado.

O Correio da Manhã afirma no título de um dos seus artigos que o “Estado falhou proteção a menina assassinada”, justificando que depois da menina ter fugido de casa do progenitor o processo foi arquivado em apenas um mês. Na altura, a menina tinha fugido de casa e foi encontrada por um elemento da PSP em pijama e chinelos, as mesmas peças que a madrasta lhe vestiu agora para simular o desaparecimento da menina.
Na altura, os dois foram chamados mas o assunto foi rapidamente “encerrado”. O mesmo está a acontecer neste momento com as meias irmãs que estão em casa dos tios. As meninas estão a precisar de produtos de higiene, roupa e comida e foi criada uma página de Facebook, ‘Mão Solidária’, para ajudar as crianças que estão sinalizadas mas não têm apoio.
De recordar que o pai só conheceu a filha quando esta tinha um ano e aos seis anos a menina não sabia como se chamava o pai. De acordo com a mesma publicação, os contactos eram esporádicos e em Peniche todos recordaram a menina triste, que ia às compras sem dinheiro suficiente.
A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens já explicou que não existiu mais nenhuma sinalização e não entenderam que havia situação que justificasse a necessidade de aplicação de medida de promoção e proteção.


Com tecnologia do Blogger.
Big Brother 2020 - Reality Show - BB2020 - BB 2020 - Sondagem BB2020 - Sondagem Big Brother 2020