Header Ads

PSP já esclareceu vídeo da agressão entre um agente e um homem de 55 anos no Pingo Doce

As imagens foram partilhadas no Twitter e mostram a violência do episódio. À MAGG, a PSP alerta para a falta de contexto do vídeo publicado.



Na rede social Twitter foi partilhado um vídeo esta sexta-feira, 1 de maio, que mostra um agente da PSP a fazer uso da violência numa discussão acesa com um cidadão. Na descrição do vídeo, publicado por uma testemunha que estava no local, é dito que a situação aconteceu num supermercado Pingo Doce na Foz do Douro depois de o homem em causa ter reclamado "educadamente com a senhora que atendeu a esposa", diz o utilizador que partilhou o vídeo.
Nos comentários, são dados mais pormenores sobre a situação: "O senhor começou a falar alto. Veio este agente da PSP e começou agredir o senhor de idade", escreve, por achar que se tratava de um idoso. E continua: "É uma falta de respeito para com os cidadãos, só por vestir uma farda pensa que pode agir como quer... onde não olhou a meios para bater ao senhor de idade".





À MAGG, o intendente da PSP Nuno Carocha dá mais desenvolvimentos sobre o caso. "Aquilo corresponde a um vídeo parcial de uma detenção realizada ontem numa loja Pingo Doce. Trata-se de um cidadão com 55 anos que começou por ter uma desavença com uma funcionária", explica o porta-voz da PSP.
O porta-voz revela que o agente estava no local a servir e, perante a situação, separou a funcionária do cidadão e foi injuriado pelo mesmo. O homem acabou então por ser detido. "O vídeo corresponde a uma parte da altercação", refere.
Quando questionado sobre a razão da violência usada pelo agente de autoridade, Nuno Carocha explica que, de acordo com as informações que lhe foram transmitidas, a violência foi uma resposta à agressão anterior do homem, que não foi filmada.

 "Vemos o agente, já na parte final do vídeo, a afastar-se e a agarrar no telemóvel porque tendo o cidadão aproximado-se no sentido do o agredir, foi solicitado o reforço policial precisamente para evitar mais violência. Foi solicitado o reforço policial e concretizada a detenção sem mais problemas", diz.
O intendente da PSP Nuno Carocha acrescenta que atendendo à reação violenta do cidadão, o agente "fez aquilo que devia ter feito", diz ao analisar a situação parcialmente e com alguma distância. "Solicitou apoio para não ter que se envolver fisicamente de novo com o senhor", conclui.
A situação já foi comunicada a tribunal e será avaliada pela autoridade judiciária. O intendente Nuno Carocha revela que o comandante do Porto irá fazer um comunicado de imprensa para esclarecer o assunto.

Com tecnologia do Blogger.
Big Brother 2020 - Reality Show - BB2020 - BB 2020 - Sondagem BB2020 - Sondagem Big Brother 2020